Conteúdo principal

Fórum de Campina Grande fica mais seguro com instalação de segurança eletrônica e câmeras

Magistrados, servidores e usuários que frequentam o Fórum Afonso Campos, na Comarca de Campina Grande, contam agora com um sistema de segurança eletrônico, que funciona através de câmeras instaladas nas dependências do prédio. Segundo o juiz Antônio Reginaldo Nunes, diretor do Fórum, a intenção é propiciar segurança, não só para os que trabalham no local, mas também para o jurisdicionado.

 O magistrado explicou que a implantação do sistema é fruto de uma parceria com o Banco do Brasil, que procedeu com a doação das câmeras cujo circuito está instalado no hall de entrada do prédio e na secretaria do fórum que por meio um controle visual é feita a vigilância de todos que ingressam nessa unidade judiciária, contou ainda com a participação do comando geral da Polícia Militar de Campina Grande, por meio do coronel Sousa Neto, que dispõe de uma planilha de segurança em que é feito todo o monitoramento do sistema e que disponibilizou o número telefônico confidencial e um oficial de ligação, para proceder, exclusivamente na segurança dos magistrados desta comarca.

 O juiz também deu mais informações sobre esse sistema e seus benefícios. “Nós instalamos um sistema de segurança local até a conclusão do projeto oficial que se encontra tramitando no Tribunal de Justiça, através da Gerência Institucional. O nosso plano funciona com a disposição de câmaras em todos os andares do fórum fazendo cobertura de todos os cartórios e todos que ingressam nesta unidade judiciária. Foi feito uma planilha individual com todas as disposições do sistema e cada magistrado possui um número confidencial, onde ele tem um contato direto com o oficial de ligação, que dá uma espécie de cobertura particular de proteção, em caso de necessidade ou emergência. ressaltou o diretor do Fórum.

A preocupação com segurança dos magistrados assim como todos os operadores do direito é uma ação constante do TJPB que, para isso vem reunindo periodicamente com a comissão de segurança do poder judiciário estadual na discussão da implantação do projeto de Segurança Eletrônica que monitorará os fóruns de todas as comarcas do Estado, 11 depósitos judiciais, além do TJPB e da Esma. Atualmente o monitoramento eletrônico acontece no Fórum Afonso Campos, na Comarca de Campina Grande e também na Comarca de Catolé do Rocha que por solicitação do juiz Anyfrancis Araújo da Silva, diretor do Fórum, foi implantado em caráter emergencial pelo TJPB, afim de resguardar a vida e a segurança do magistrado.

 TJPB/Gecom

Com o estagiário Janailton Oliveira