Conteúdo Principal
Publicado em: 04/12/2020 - 14h14 Atualizado em: 04/12/2020 - 15h34 Tags: 46º Cejusc, Comarca de São José de Piranhas

46º Cejusc do Estado é inaugurado na Comarca de São José de Piranhas

O alto Sertão da Paraíba foi agraciado com mais um Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc), com a inauguração, na manhã desta sexta-feira (4), de um Centro na Comarca de São José de Piranhas. Em cerimônia virtual, membros do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec) do Tribunal de Justiça da Paraíba declararam iniciados os trabalhos do 46º Cejusc do Estado e a ampliação da política de conciliação pelo interior, que leva aos cidadãos outras formas de acesso à Justiça.

De acordo com um dos juízes-coordenadores adjuntos do Nupemec, Bruno de Azevedo, a inauguração de mais uma unidade ocorreu de forma emblemática, durante a XV Semana Nacional de Conciliação (SNC). E colocando-se à disposição, recomendou aos envolvidos nos trabalhos do Centro: “O sucesso do Cejusc se deve muito à conduta do magistrado, trazendo as pessoas do comércio, igrejas, escolas, associações de bairro, para que o instrumento saia do papel e se consolide no cenário local”, disse.

Também presente no evento virtual, o juiz Antônio Carneiro de Paiva Júnior explicou que, à medida que a conciliação anda bem nos Cejuscs, a política se consolida. “As pessoas, ao encontrarem este novo modelo, sentem a diferença. Temos que chamar atenção para que cada envolvido no trabalho atue a partir desta nova forma, diferente da tradicional, em que ficamos muito atrelados a regras, normas e formalismos. Os Centros vieram para mostrar que o antigo modelo de jurisdição não mais atende aos anseios das pessoas, que querem rapidez, ternura e empatia”, alertou o diretor adjunto do Nupemec.
 
Antônio Carneiro pontuou, também, a necessidade de atenção não só às metas, mas, sobretudo, à satisfação do jurisdicionado. “Mais importante do que estatísticas é a população ficar satisfeita com nossos serviços. Daí virá a legitimidade, a validade. Mesmo quando um jurisdicionado não tem o pleito atendido, ele sai satisfeito quando recebe atenção e um trabalho com qualidade. Temos que colocar as pessoas no centro das discussões, como nossos destinatários maiores”, orientou o juiz, ao desejar sucesso na nova unidade.

O magistrado que atua em São José de Piranhas, Ricardo Henriques Amorim, afirmou que recebeu como um presente a entrega do instrumento. “Peguei a maior parte do serviço realizado e não me sinto responsável pelo resultado final, mas presenteado com ele. Daqui para frente é partir para o trabalho”, asseverou.

Também o juiz titular do Juizado Especial Misto de Cajazeiras, Hemerson Alves Nogueira, agradeceu a colaboração e disponibilidade dos membros do Nupemec e de todos os envolvidos na concretização do novo Cejusc. “Com certeza, este Centro será útil, considerando a distribuição processual e o potencial das causas que poderão ser resolvidas em ambiente conciliatório”, declarou.

Na ocasião, foi acertado que as capacitações iniciais serão feitas com a colaboração do Cejusc de Cajazeiras, que tem como coordenadora pedagógica, a professora da FAFIC, Cristiana Russo. Durante o evento, a professora lembrou que a conciliação e a mediação não significam apenas a redução de processos, mas, principalmente, a oportunidade de reconstruir a pacificação entre as pessoas.

“Fico triste quando vejo tratarem a conciliação apenas como redução das demandas, porque a maior satisfação é perceber que a paz voltou entre aquelas pessoas envolvidas, com a reconstrução das relações. Daqui, estamos prontos para ajudá-los no que precisarem”, ressaltou.

Ao participar da inauguração, o assessor da 4ª Vara da Fazenda Pública, Osierick Mangueira, afirmou ser motivo de alegria ver mais uma comarca do interior beneficiada com um Cejusc. “Isso mostra, em plena Semana da Conciliação, que o TJPB está no caminho certo, prezando pela cultura da paz. Que os jurisdicionados encontrem a porta da cidadania que o Cejusc oferece”, declarou.

Por Gabriela Parente / Gecom – TJPB

Compartilhar: Whatsapp
DICOM
Diretoria de Comunicação Institucional
  • imprensatjpb@gmail.com
  • (83) 3216-1611