Conteúdo Principal
Publicado em: 19/12/2019 - 22h22 Atualizado em: 29/09/2020 - 16h49 Tags: Cejusc de Guarabira

Cejusc de Guarabira encerra o ano de 2019 com quase R$ 2,5 milhões em acordos

O Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) da Região de Guarabira encerra o ano de 2019 com um total de 1.253 audiências realizadas, das 1.441 que estavam agendadas. Foram prejudicadas 188, em razão do não comparecimento das partes e outros motivos, atingindo um percentual de 44,21% no total em acordos, no valor de R$ 2.490.385,29, nos processos cíveis, dos Juizados Especiais Cíveis (Jecíveis), Juizado Especial Criminal (Jecrim) e de Família, alcançado o atendimento de 2.852 pessoas.

A juíza da 3ª Vara da Comarca, com competência na área de Família, Hígia Barreto, afirmou que foram realizadas mais 238 Mediações, com um percentual de 66,53% em autocomposição. “O Cejusc tem dado uma importante contribuição na solução amigável dos conflitos familiares”, ressaltou.

O Cejusc também realizou 29 mutirões de audiências, nas áreas Cíveis, Jecíveis, Jecrim, Mutirões DPVAT e Família, nas Comarcas de Alagoinha, Belém, Araruna, Cacimba de Dentro, Pirpirituba e Mari, onde foram atendidas 1.405 pessoas e realizadas 598 audiências, chegando a um percentual de 52,84% em acordos.

A juíza da 3ª Coordenadoria do Cejusc da Região de Guarabira, Barbara Bortoluzzi Emmerich, informou que, pelo quarto ano consecutivo, o Centro de Conciliação alcançou  resultados relevantes para a pacificação social, contribuído para o princípio da efetividade processual junto aos Cartórios.

“O Cejusc também evitou a judicialização de processos. Foram protocoladas 390 reclamações pré-processuais, para que as partes pudessem resolver o conflito na informalidade, evitando despesas para o Estado e, principalmente, para os envolvidos”, enfatizou a juíza, acrescentando que foram realizadas 390 sessões de mediação nestes procedimentos, atendendo 780 pessoas, cujos acordos chegaram a um montante de R$ 292,320,66.

Barbara Bortoluzzi disse que o Cejusc promoveu, também, cidadania, nos eventos de pró-endividados junto as empresas Energisa e Cagepa, chegando a atender nos dois eventos 247 pessoas, com 99% dos casos solucionados de forma mais vantajosa, evitando, inclusive a judicialização de processos. 

O Cejusc recebe o apoio do Núcleo de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec) do Tribunal de Justiça da Paraíba, que é composto pelo diretor-geral, desembargador Leandro dos Santos e pelos diretores adjuntos juízes Bruno Azevedo, Antônio Carneiro, Fábio Leandro. 

“O Cejusc de Guarabira tem contribuído de forma ímpar junto ao Poder Judiciário estadual para a pacificação social”, destacou o desembargador Leandro dos Santos.

Gecom-TJPB

GECOM - Gerência de Comunicação
  • Email: comunicacao@tjpb.jus.br
  • Telefone: (83) 3216-1611