Conteúdo Principal
Publicado em: 07/11/2019 - 16h31 Atualizado em: 07/11/2019 - 16h32 Tags: Novembro Azul

Novembro azul: Palestra sobre longevidade saudável ocorrerá no dia 22 no Fórum Criminal da Capital

A prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de próstata – tema da Campanha Novembro Azul – serão abordados na palestra denominada “Pilares de uma longevidade saudável”, que será ministrada pela médica especialista Josenalda Aratani, no dia 22 de novembro, às 10h30, no Fórum Criminal da Capital. O evento é voltado para homens e mulheres e é realizado pela Associação das Esposas dos Magistrados e Magistradas da Paraíba (Aemp), com apoio do Tribunal de Justiça da Paraíba.

O ingresso, que dá direito a uma camisa, pode ser adquirido nas gerências dos Fóruns Criminal e Cível da Capital, pelo valor de R$ 20,00. A iniciativa também conta com a participação especial do presidente da Academia Brasileira de Coaching e Desenvolvimento (ABCD), José Paulo Leão, que abrirá os trabalhos com uma palestra motivacional.

De acordo com a presidente da Aemp, Solange Guedes da Franca, toda a renda obtida com a venda dos ingressos será revertida para o Hospital Padre Zé, em João Pessoa. “A palestra da médica vai abordar os pilares para alcançar uma longevidade saudável, além de outros aspectos relacionados à saúde masculina. O evento é voltado a todos que buscam viver mais e, em especial, aos homens, já que estamos no mês alusivo ao Novembro Azul, que trata de despertar o público masculino para cuidar de sua saúde”, destacou. 

Novembro Azul – Com o propósito de alertar para a prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de próstata, além de esclarecer, de modo mais amplo, para o cuidado com a saúde masculina, o Novembro Azul foi criado em 2003 na Austrália. A realização de exames, como o de Toque Retal e o PSA (exame de sangue que identifica alterações específicas da próstata), é essencial para a detecção precoce da doença. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU), 90% dos casos diagnosticados no estágio inicial têm chance de cura.

Conforme dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens. A estimativa do Inca para o biênio 2018/2019 é que 68.220 novos casos da doença sejam diagnosticados em todo o país. 

Por Gabriela Parente/Ascom-TJPB

Compartilhar: Whatsapp
DICOM
Diretoria de Comunicação Institucional
  • imprensatjpb@gmail.com
  • (83) 3216-1611