Conteúdo Principal
Publicado em: 14/04/2020 - 17h43 Atualizado em: 14/04/2020 - 17h47 Tags: Selo Ouro, 6ª Cível de Campina Grande

6ª Cível de CG diminui taxa de congestionamento, aumenta celeridade e conquista Selo Ouro

A digitalização dos processos físicos e a identificação dos feitos paralisados há mais tempo foram dois aspectos primordiais para que a 6ª Vara Cível da Comarca de Campina Grande tenha conseguido reduzir a taxa de congestionamento da unidade em 26,7% no ano de 2019 em relação ao ano de 2018. Diante do resultado, que contemplou outros bons números alcançados relacionados à produtividade, a exemplo dos 1.154 feitos baixados no período, a unidade foi premiada pelo Tribunal de Justiça da Paraíba com o Selo Ouro de Eficiência. A premiação está disciplinada na Resolução nº 05/2020/ TJPB.  
 

Juíza Giuliana Madruga

As medidas que conferiram premiação à Vara foram destacadas pela juíza titular, Giuliana Madruga Batista de Souza Furtado, que assumiu a unidade em maio do ano passado e, desde então, vem buscando implementar medidas para melhorar a prestação jurisdicional. A magistrada explicou que a prioridade dada aos feitos paralisados foi uma forma de ir ao encontro da celeridade desejada.
 

A melhoria na qualidade da rede de informática – área que vem recebendo investimentos prioritários, conforme orientado pelo presidente do TJPB, desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos – também foi apontada pela juíza como um impulsionador dos bons frutos colhidos.
 

Em relação ao trabalho desenvolvido pela equipe, Giuliana falou sobre a importância de uma compreensão de que cartório e gabinete são uma coisa só e possuem um único fim: atingir a prestação jurisdicional. “O compromisso e o engajamento de todos que fazem a 6ª Cível de Campina foi essencial para fazermos dar certo, não havendo distinção entre Escrivania (Cartório Judicial) e Gabinete. Ter a visão de que a unidade judiciária é una, sem distinções entre todos, foi o principal ganho”, salientou.
 

Na ocasião, a magistrada lembrou, também, que é fundamental valorizar a equipe inteira. “Cada servidor possui pontos fortes e a valorização individual foi o caminho encontrado para se alcançar o resultado desejado. O incentivo da gratificação também colaborou para o esforço conjunto”, informou.
 

Servidor Venâncio dos Santos

O chefe do cartório, Venâncio dos Santos Roberto, não hesitou em concordar com a juíza. “Aqui, trabalhamos com a divisão por dígito e cada servidor é encarregado por dois ou três. Todos se ajudam mutuamente. O mais importante é a união do grupo e a interação entre o gabinete e o cartório. Aqui, há dedicação, responsabilidade e amor pelo que se faz”, resumiu o servidor.

A equipe é composta, também, pelos servidores: Danielle Cristiane de Souza Dantas (assessora), Glauber Marinho Faustino (assessor), Ethel Maísa Caiana Pinto, Hélcio José Pereira Alves, Luiz Carlos Bezerra dos Santos, Suênia Aureliano Barreto, Tânia Maria da Silva, além de estagiários e voluntários que passaram a fazer parte.

Por Gabriela Parente / Gecom - TJPB

GECOM - Gerência de Comunicação
  • Email: comunicacao@tjpb.jus.br
  • Telefone: (83) 3216-1611