Conteúdo Principal
Publicado em: 10/08/2021 - 10h58 Tags: Formação, Audiência de Custódia

Equipe de Atendimento à Pessoa Custodiada do Tribunal de Justiça ministra capacitação para TJRN

O Serviço de Atendimento à Pessoa Custodiada (Apec) do Tribunal de Justiça da Paraíba, por meio de sua equipe multiprofissional, ministrou uma formação sobre o funcionamento do Serviço, na qualificação das audiências de custódia, para a nova equipe do Apec do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, que está em processo de renovação, na Comarca de Natal. O treinamento online aconteceu na tarde de ontem, a convite do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

De acordo com a assistente social e membro do Apec-TJPB, Cízia Romeu, foram tratados diferentes aspectos importantes para o adequado funcionamento e garantia de apoio à pessoa custodiada. Dentre os pontos abordados na capacitação estavam a composição da equipe, escuta qualificada, atendimento, fluxos, e a construção da Rede de Proteção Social da Apec. Quem também representou o Apec-TJPB foi o psicólogo, Alisson Paulo.

“Estamos planejando outras capacitações e momentos de interação com as equipes da Apec das audiências de Custódia do Nordeste. Entendemos que o apoio e a troca de conhecimentos é fundamental neste processo permanente de aperfeiçoamento das equipes”, comentou Cízia Romeu. A assistente social disse, ainda, que a Comarca de João Pessoa já recebeu custodiados que residem em Natal-RN. “É importante a integração entre as equipes, para prestarmos um atendimento e apoio in loco, com maiores resoluções e impacto”, ressaltou.

Segundo o psicólogo, Alisson Paulo, a formação foi e é muito importante para quem está iniciando os atendimentos à pessoa custodiada. “Compartilhar nossas experiências e nossos conhecimentos para futura equipe de Natal é prepará-los com segurança, com otimismo, além das dificuldades a serem enfrentadas e solucionadas em prol daqueles que precisam serem acolhidos”, avaliou.

Por Fernando Patriota

GECOM - Gerência de Comunicação
  • Email: comunicacao@tjpb.jus.br
  • Telefone: (83) 3216-1611