Conteúdo Principal
Publicado em: 08/03/2021 - 08h59 Atualizado em: 09/03/2021 - 10h44 Tags: Coordenadoria da Mulher, Campanha, Violência Doméstica, Mídia “busdoor”

TJPB e Sintur lançam campanha contra a violência doméstica em mídia “busdoor”

O Tribunal de Justiça da Paraíba, por meio da Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar, em parceria com o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano da Capital, lançará a campanha #Nãosecale de combate à violência contra a mulher, por meio de ‘busdoor’. O evento acontecerá nesta terça-feira (9), às 7h, na garagem da empresa de ônibus Transnacional. A iniciativa consiste na publicidade afixada no para-brisa traseiro dos ônibus, contendo telefones para denúncia no caso de violência doméstica contra a mulher (180, 190 e 197).

Segundo explicou a coordenadora do Mulher do TJPB, juíza Graziela Queiroga, a campanha é mais um meio de divulgação no sentido de trabalhar a questão da prevenção, utilizando a mídia do busdoor. Ela informou, ainda, que os ônibus serão adesivados e circularão pelos bairros da cidade, divulgando a campanha. “Será nos moldes como fizemos em uma outra oportunidade, já que temos um convênio com o Sintur, o qual, por meio dessa mídia, utilizamos a parte traseira dos ônibus, que possuem grande alcance e visibilidade, para conscientizar a sociedade sobre a importância da denúncia, de não se calar diante de uma violência doméstica, diante de uma violência contra a mulher”, ressalvou a magistrada.

Juíza Graziela Queiroga

Graziela Queiroga salientou, da mesma forma, a importância do apoio dado pela gestão, do Presidente do TJPB, Desembargador Saulo Benevides, que foi sensível à causa, dando continuidade ao convênio com o Sintur. “O Desembargador Saulo Benevides compreendeu essa necessidade, a relevância desse equipamento, da utilização da mídia Busdoor para, justamente trabalharmos de forma preventiva por meio dessas campanhas”, frisou a coordenadora, complementando ser mais uma ação positiva, que visa fazer com que as mulheres, em situação de violência e a sociedade em geral, possam romper o ciclo da violência por meio da denúncia.

Isac Junior

Já o diretor institucional do Situr, Isaac Júnior Moreira, salientou que a parceria com o TJPB, através da Coordenadoria da Mulher, dá visibilidade ao combate à violência de gênero. Segundo ele, é preciso tratar constantemente sobre a relevância desse tema para que as mulheres se sintam encorajadas a denunciar e para que a sociedade entenda e apoie cada vez mais essa causa. “Não podemos normalizar ou minimizar qualquer tipo de violência. O espaço visual concedido nos ônibus será muito importante para veicularmos essa mensagem de repúdio à violência contra a mulher”, realçou.

Por Lila Santos/Gecom-TJPB

GECOM - Gerência de Comunicação
  • Email: comunicacao@tjpb.jus.br
  • Telefone: (83) 3216-1611