Conteúdo Principal

Projeto Acolher

Projeto Acolher em CG garante atendimento humanizado a gestantes que desejam entregar criança à adoção

A mulher gestante ou mãe de criança recém-nascida que deseja entregar o filho ou filha para adoção tem direito de receber acompanhamento e acolhimento de sua decisão, feitos por equipe interdisciplinar, de formar humanizada e sigilosa. O serviço é prestado pela Vara da Infância e Juventude a fim de efetivar o estabelecido no artigo 19-A da Lei 8.069/1990 (Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA). Em Campina Grande, o trabalho é viabilizado por meio do Programa Acolher, que cuida da Entrega Legal e de toda a assistência necessária durante o processo e enquanto perdurarem as demandas...
Data de publicação: 29/07/2020 - 14h52 Tags: Rádio Justiça, Projeto Acolher

Projeto Acolher do Judiciário estadual paraibano é abordado em matéria da Radio Justiça

O Projeto Acolher, desenvolvido pela 1.ª Vara da Infância e da Juventude da Comarca da Capital, foi abordado em uma matéria especial produzida pela Rádio Justiça do Supremo Tribunal Federal (STF) esta semana. O juiz titular da 1ª Vara e coordenador da Infância e Juventude do Tribunal de Justiça da Paraíba, Adhailton Lacet, explicou que o programa foi implementado no Judiciário estadual paraibano em 2011, a fim de acabar ou minimizar a incidência da adoção à brasileira ou mesmo de situações de abandono de recém-nascidos. “Por meio do Programa, a gestação é comunicada à Vara da Infância e...
Data de publicação: 21/01/2020 - 11h20 Comarca: João Pessoa Tags: CNJ, Projeto Acolher

CNJ divulga reportagem sobre Programa Acolher do Tribunal de Justiça da Paraíba

O Conselho Nacional de Notícias (CNJ) veiculou no seu site matéria nessa segunda-feira (20) sobre o programa Acolher, desenvolvido pelo Tribunal de Justiça da Paraíba. A reportagem destaca que nos últimos cinco anos, 63 gestantes das Comarcas de João Pessoa e Campina Grande foram acompanhadas pelo programa, que teve início em 2011. Deste total, 40 recém-nascidos foram efetivamente entregues para adoção. De acordo com a matéria, produzida pela Gerência de Comunicação do TJPB, dentre os motivos que levam uma mulher a entregar espontaneamente seu filho para adoção estão a vulnerabilidade social...
Data de publicação: 09/04/2019 - 16h17 Tags: Infância e Juventude, Abraminj, Projeto Acolher

Site da Abraminj repercute matéria sobre Projeto ‘Acolher’, desenvolvido pelo Judiciário paraibano 

O site da Associação Brasileira dos Magistrados da Infância e da Juventude (Abraminj), veiculou matéria produzida pela Assessoria de Comunicação Institucional do Tribunal de Justiça da Paraíba sobre o Projeto Acolher, desenvolvido pelo Juizado da Infância e Juventude de João Pessoa. A reportagem tem como título: ‘Acolher’ garante acompanhamento humanizado de mães e gestantes que desejam entregar o filho para adoção. Por meio do Projeto, as mães podem, voluntariamente, entregar seus filhos para adoção. Para tanto, ela deve procurar a Vara da Infância e Juventude – órgão responsável pelo...
Subscrever RSS - Projeto Acolher